domingo, 19 de outubro de 2008

Shanti Ashtangi


Vande gurunam caranaravinde

Sandarsita svatma sukhavabodhe

Nihsreyase jangalikayamane

Sansara halahala moha santyai

Hala hala

Abahu purusakaram sankha cakrasi

Abahu purusakaram sankha cakrasi

Dharinam dharinam sahasra sirasam

Dharinam dharinam sahasra sirasam

Vande


Om Shanti, Om Shanti

Shanti shanti

Shantay Om



(Eu venero o gurú do pé de lótus
No despertar da felicidade da auto-revelação
Acima da compaixão
Trabalhando como um médico na selva
Para pacificar a perda da consciência
Do veneno de nossa existência
Com a forma de um homem
Com os ombros para o alto
Segurando um escudo, disco e espada
Milhares que tiveram suas cabeças como alvo
Eu faço uma reverência respeitosa
Paz)

2 comentários:

Coné disse...

É muito giro, mas ai homem ! Estes ultimos posts são tao tristes, melancólicos, revolta.

Peter Pan disse...

palavras para que?